Momento Espírita
Curitiba, 21 de Junho de 2018
busca   
no título  |  no texto   
ícone Um novo dia

O dia que começa é bênção que se renova para você. Ao despertar, saúde o seu dia com a melodia vibrante da prece.

Formule, em versos espontâneos, brotados da sua intimidade, a sua gratidão ao Criador por mais um dia que lhe é permitido viver sobre a Terra.

Trace um roteiro para executar nas horas diurnas, com método e equilíbrio.

Se lhe surgirem impressões negativas do dia anterior, não as alimente.

Reaja, sobrepondo ideias nobres.

Reserve uns minutos, no seu dia, para uma leitura salutar.

Paute todas as suas atividades no ritmo de pensamentos superiores. Faça sempre aos outros o que gostaria deles receber.

Tente conquistar uma amizade nova. Ou, ao menos, repare neste dia o mal entendido da véspera, não permitindo que ele prospere.

Trabalhe com amor, ganhando as horas. Não esqueça, no entanto, que o excesso de atividades o levará à estafa.

Você se tornará irritadiço, pouco produtivo e com grandes chances de adoecer.

Assim, reserve horas adequadas para o descanso. Uma pausa entre a rotina que o absorve.

Motive-se com as lições vivas do otimismo cristão, a fim de que a alegria lhe seja companheira.

Economize palavras vãs.

As palavras são portas de acesso à comunicabilidade. Algumas delas são vias de aniquilamento. Fiscalize-as.

Palavras que saírem de sua boca não poderão retornar. Exatamente como as águas espalhadas do rio não podem retroceder à nascente.

Não se aflija com a multiplicidade dos problemas, desejando solucioná-los todos de uma vez.

Atenda as tarefas uma a uma, sem precipitação. Você ganhará as horas e conseguirá melhores resultados.

Considere sempre a possibilidade de ter que partir para a outra vida. Ninguém é eterno no corpo físico.

Arrume a sua vida, pensando nisso. Não deixe problemas para os outros terem que resolver.

Elimine as mágoas do dia passado, no seu programa de ação.

Quem conserva queixas, conduz miasmas que o tornam infeliz e doente.

Se tiver ensejo, neste dia, faça o bem. Dê o seu lugar no coletivo a alguém que pareça estar mais cansado que você.

Cale-se em meio ao tumulto da discussão, permitindo que ela se extingua.

Se não tiver ocasião de fazer o bem, crie as circunstâncias.

Pratique a gentileza com seus colegas de trabalho. Presenteie com um mimo a quem lhe serve todos os dias.

Lembre: um dia sem a prática de ações dignificadoras pode ser considerado um dia perdido.

Mesmo que você tenha conseguido armazenar títulos, acrescentado números à sua conta bancária ou acertado na compra de ações.

Isso porque, moedas, títulos, ações, propriedades ficam com o corpo, enquanto as ações nobres viajam com você.

Enfim, atravesse o dia produzindo o melhor. Porque cada hora passada é parte dele que você nunca mais haverá de recuperar.

*   *   *

Cada dia é um recomeço. Se ontem você foi infeliz, ressurge hoje a possibilidade de reverter a situação.

Se ontem você somente verteu lágrimas, surge a chance de colher sorrisos.

Se seu amor partiu, se você perdeu o emprego, se levou uma bronca, se tudo deu errado... Tudo isso foi ontem.

Hoje é um novo dia, cheio de oportunidades de vencer, sorrir e ser feliz.

Não se permita perder esta chance: o dia de hoje nunca mais voltará.

 Redação do Momento Espírita, com base no cap.
No despertar, do livro Ementário Espírita, pelo Espírito
Marco Prisco, psicografia de Divaldo Pereira Franco,
ed. O Clarim.
Em 4.6.2018
.

 

Escute o áudio deste texto

© Copyright - Momento Espírita - 2018 - Todos os direitos reservados - No ar desde 28/03/1998